quinta-feira, 7 de abril de 2016

O que existia dentro da arca do concerto?


Somente as tábuas:
1 Re 8:9 - Na arca, nada havia, senão só as duas tábuas de pedra que Moisés ali pusera junto a Horebe, quando o SENHOR fez aliança com os filhos de Israel, saindo eles da terra do Egito.

II Cr. 5:10 - Na arca, não havia senão somente as duas tábuas que Moisés tinha posto junto a Horebe, quando o SENHOR fez concerto com os filhos de Israel, saindo eles do Egito.

Outras coisas junto das tábuas:
Hb 9:4 - que tinha o incensário de ouro e a arca do concerto, coberta de ouro toda em redor, em que estava um vaso de ouro, que continha o maná, e a vara de Arão, que tinha florescido, e as tábuas do concerto.
------------------------------------------------------------------------------ 
Descontradizendo:
Champlin comenta o seguinte:
"No AT  nunca é dito que a vara de Arão foi posta dentro da arca, ainda que ambos esses objetos fossem reverenciados (Ex 16:22 e Nm 17:10)...O autor sagrado está preservando, talvez, alguma tradição obscura que nunca se tornou popular ou aceitável entre os judeus. Vincent (in loc.) menciona a existência de tal tradição entre alguns rabinos, mas não a identifica. Moulton (in loc.) menciona que algumas tradições rabínicas assim entendiam a disposição de tais objetos, com base no techo de 1 Reis 8:9. Esse versículo diz claramente que nada havia no interior da arca senão as tábuas da Lei; mas alguns intérpretes pensam que isso foi "em algum tempo"; antes do tempo histórico dos reis outros objetos tinham sido postos no interior da arca. Porém, o próprio versículo parece ensinar enfaticamente o contrário. Contudo, se alguns rabinos assim entendiam, disso poderia ter-se desenvolvido a tradição que o maná e a vara de Arão estiveram no interior da arca... Alford (in loc.) menciona Levi ben Gerhsom e Abardanel, além de outros escritores rabínicos, os quais supunham que esses objetos tinham sido guardados "dentro da arca", embora não dê as referências. John Gill (in loc.) diz-nos que essas referências são comentários sobre o trecho de 1 Rs 8:9, por aqueles escritores mencionados e por "outros". Portanto, pelo menos havia uma tradição nesse sentido...".
N.T. Champlin, "O NOVO TESTAMENTO INTERPRETADO Versículo por versículo - Volume 05". Editora Hagnos, pg.745.
-----------------------------------------------------------------
Pipe responde:
A própria Bíblia responde esta:

* O vaso de ouro que continha o Maná:
Ex 16:33-34 - "Então Moisés disse a Arão: "Ponha numa vasilha a medida de um jarro de maná, e coloque-a diante do Senhor, para que seja conservado para as futuras gerações. Em obediência ao que o Senhor tinha ordenado a Moisés, Arão colocou o maná junto às tábuas da aliança, para ali ser guardado".

* A vara de Arão que floresceu:
Nm 17:8-10 - "No dia seguinte Moisés entrou na tenda e viu que a vara de Arão, que representava a tribo de Levi, tinha brotado, produzindo botões e flores, além de amêndoas maduras. Então Moisés retirou todas as varas da presença do Senhor e as levou a todos os israelitas. Eles viram as varas, e cada líder pegou a sua. O Senhor disse a Moisés: "Ponha de volta a vara de Arão em frente da arca das tábuas da aliança, para ser guardada como uma advertência para os rebeldes. Isso porá fim à queixa deles contra mim, para que não morram".

O que parece denotar pelos textos de Ex 16:33-34 e Nm 17:8-10, é que os objetos (com exceção das tábuas), não ficavam dentro da arca literalmente, mas “junto” ou "em frente da arca" para ali serem guardados dentro do Santo dos Santos. Porém, na hora de descrever o assunto, o autor de hebreus não foi específico e detalhista quanto a estes detalhes.

Parafraseando Hb 9:3-4 - "Por trás do segundo véu havia a parte chamada Santo dos Santos, onde se encontravam o altar de ouro para o incenso e a arca da aliança, totalmente revestida de ouro. Nessa arca, junto dela estava o vaso de ouro contendo o maná, e em frente dela estava a vara de Arão que floresceu e as tábuas da aliança".


Pipe

Nenhum comentário:

Postar um comentário